Quarto (de bebê) da Vivi

6

Não sou muito de ovelhinhas, ursinhos, safari baby… Grávida, achava que seria mãe de um menino. Faria um quarto de monstrinhos, em tons de verde e roxo, o que não deixaria o PD3 muito satisfeito (ele adooooooora um “tudo branco”).

Mas veio uma menina (que passou mais de um mês sem nome, dentro da barriga; qualquer dia conto prá vocês)! Assim, fiquei sem “tema”, mas tinha a cor: AMO rosa e não acho que o verde é o novo rosa. #prontofalei

Se eu fosse uma bebê menina, o que gostaria de ter no meu quarto? Sapateira, espelho, trocador, berço lindo, cômoda, poltrona para curtir o colinho da mamãe, um sonzinho cor-de-rosa, livrinhos, coisas para morder, brinquedos para espalhar pelo chão, uma iluminação gostosa, caminha para receber visitas (funciona como sofá), almofadas gostosas e laváveis… Assim o quarto foi montado, com a ajuda de uma querida arquiteta e com sugestões do Ministro da Fazenda (PD3).

Nessa onda girly, o “tema” não poderia ser outro: moda.  Moda é coisa de menina (ou não!), assim como rosa! O ambiente é de óculos Dior, bolsas Chanel, bebês de echarpe, saia Burberry…

7 3 4 5

Gostaram? Como é o quarto dos seus filhotinhos?

Abaixo estou eu (bem inchada) curtindo a Vivi. Mais abaixo, eu e “meus” três.

2

8

Beijos,

Bianca.

bianca@naoeamamae.com

Instagram: @blognaoeamamae

No facebook: Blog Não é a Mamãe!

Comente, compartilhe! :)