Segundo filho

Convencer ou ser convencida?

Grávida sunset
Querido segundo filho (ou filha), talvez você não venha e sua ex-futura-mamãe está bem triste com isso (tipo Pássaros Feridos c/c Lendas da Paixão).
Eu e seu ex-futuro-papai estivemos no paraíso nos últimos dias e, com duas garrafas de espumante e várias doses de whisky na cabeça (sim, seus ex-futuros-pais bebem), começamos a falar sobre você.
Eu (totalmente coração e desprovida de juízo) te quero tanto que nem sei dizer (tipo a música do The Fevers); já aquele que escolhi para perpetuar a espécie é parte razão, parte cifrão, parte medão e… Bem… Ele não quer que você venha. Apesar de dizer que a decisão é minha, ele não quer.
Analisando friamente, o cara tem alguma razão.
– Em 2010 perdi um bebê;
– Sua ex-futura-irmã nasceu em 2012 em um parto prematuro de emergência,após ter sido gerada em repouso quase que absoluto;
– Fiquei tão mal após parir sua ex-futura-irmã que só pude conhecê-la 3 dias após o seu nascimento;
– Além de uma ex-futura-irmã você também teria dois ex-futuros-irmãos, o que faria seus ex-futuros-pais responsáveis por um super passivo financeiro;
– Seu ex-futuro-pai não saberia o que fazer com quatro crianças caso algo acontecesse comigo após você nascer.
Analisando objetivamente as condições de temperatura e pressão, trazer você pra cá é um risco. Não fosse o medo de deixar sua ex-furuta-irmã sem mim, você já estaria encomendado.
Nada está decidido, ex-futuro(a)-filho(a), mas comecei realmente a trabalhar a possibilidade de não ter você (o que me faz chorar tipo Heleninha Roitman). O lado bom é que você escaparia de várias cafonices (como ensaio fotográfico de gestante no por do sol e quadro de maternidade com família urso) e de uma possível estadia na UTI Neo.
A verdade mesmo é que não tem lado bom, filho (olha o ato falho conveniente aí). Tanto que nem estou conseguindo fazer boas piadas com o assunto (sim, sua mãe… opa… ex-futura-mãe é metida a piadista).
Que seja o melhor pra gente, né? Não sei como funciona a fila de espera para nascimentos e nem se você tem tempo livre para me dar uma ajuda… Mas, se puder, ajuda a mamãe a decidir. Devo convencer ou ser convencida?

Beijos,

Mamãe (ex-quase ou futura).

bianca@naoeamamae.com

Instagram: @blognaoeamamae

No facebook: Blog Não é a Mamãe!

Pra conversar: Grupo de Mães e Madrastas

Comente, compartilhe! :)

2 Respostas para “Segundo filho”

  1. Mayara Moraes

    Qué isso Bianca?
    Nada deste pessimismo, cada gestação é uma, cada filho também, não compare seu ex-futuro filho com a Vivi, pois tudo pode ser diferente, e é assim que devemos pensar, o #PD3 tá certo em manter o lado racional, pois se os homens fizessem tudo que queremos quando só ouvimos o coração estavamos lascadas, com relação as finanças você sabem que se dá um jeito,dá pra dividir tudo com os quatro e ainda sobra pra mais um, é só diminuir a quantidade de viagens por ano, fazer passeios mais baratos e usar o jogo de cintura, quanto as coisas que já se foram, já foi! Passou e o hoje mostra muito bem aos dois que vocês podem tudo juntos, inclusive ter mais um filho! Quero que fique bem claro aqui que eu te acompanho a um certo tempo, e sou SUPER a favor de mais um filho,Vivi pode até não ser filha única, mas você será mãe de um, e um amor deste só merece ser duplicado.
    Tá tudo certo Bi, vai em frente, eu no teu lugar já tava com ele encomendado. hahaha beijos.

    Responder

Deixar uma Resposta