Um ENFERMEIRO na UTI Pediátrica

Mais um post da série: coisas lindas do mundo <3

Enfermeiro
Alex e Vivi

Como vocês sabem (se for novo na área, clica aqui para dar uma passeadinha pelos posts pela categoria “Asma/BO”), já acumulamos algumas milhas no cartão fidelidade de internação da filha em UTI. Mas este não é um post de lamentação nem de foreveralonismo.

É um post feliz, de gratidão, que tem tudo a ver com a nossa semana de comemoração do Dia dos Pais.

Na última internação da Vivi tivemos uma grande surpresa: fomos acompanhadas por um ENFERMEIRO! Sim, o querido Alex.

Não é muito comum encontrar um profissional de saúde que respeite a criança como um ser autônomo, que tem vontades e entendimento. Pedir licença à criança antes de toca-la; explicar o que vai fazer; dizer que vai doer, mas que vai passar; dizer que não vai doer…

Mais incomum ainda é encontrar um homem, não só com estes diferenciais, mas que que ganhe a vida trocando fraldas, dando banho, escovando os cabelos, medicando, acalmando, brincando…

Vivi hospital 2
Hospital é lugar de brincadeira, sim, né, Tio Alex?

Manter a leveza e a delicadeza em um ambiente de tenso, onde o que está em jogo são vidas de crianças, é um DOM. Preocupar-se em fazer os pequenos pacientes felizes enquanto trabalha, quando este trabalho inclui agulhadas, dentre outras coisas, é DIVINO.

Foi assim que Alex cuidou da Vivi. É assim que ele cuida de tantas outras crianças em seus intermináveis plantões. Isso não é ser pai, de alguma forma? Claro que é.

Vivi hospital
Relaxada, no berço da UTI: coisas de Vivi <3

Alex, querido, muito obrigada.

Que você viva pelo menos uns 92376592659275923 anos, espalhando amor, profissionalismo e cura onde estiver.

Beijos,

Bianca.

bianca@naoeamamae.com

Instagram: @blognaoeamamae

No facebook: Blog Não é a Mamãe!

Comente, compartilhe! :)